Sindicato

Notícias
Banco do Brasil deve nomear candidato aprovado em cadastro de reserva
 
Segundo a decisão, o banco deixou de nomeá-lo para contratar trabalhadores temporários.

A Subseção I Especializada em Dissídios Individuais (SDI-1) do Tribunal Superior do Trabalho condenou o Banco do Brasil S.A. a convocar e nomear para o cargo de escriturário um candidato de Brasília (DF) aprovado para cadastro reserva. Segundo o colegiado, o banco contratou trabalhadores temporários para a realização das mesmas atribuições do cargo dentro do prazo de validade do concurso.

Trabalhadores temporários
O candidato se inscreveu para o concurso em dezembro de 2013, para concorrer à vaga de escriturário. Classificado na 1.492ª posição das 1.755 vagas destinadas ao cadastro de reserva, ele ajuizou, em junho de 2016, reclamação trabalhista pedindo a sua imediata convocação para o cargo. O motivo, segundo ele, foi o fato de o banco ter contratado, ainda na vigência da validade do concurso, 768 trabalhadores temporários para as mesmas funções.

Em defesa, o banco justificou a contratação de temporários com diversos fatores de ordem emergencial.

Preterição
Ao julgar o caso, o Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região (DF/TO) entendeu que a preterição do candidato aprovado em cadastro de reserva em prol de trabalhadores temporários e a abertura de novo concurso público para formar novo cadastro elevava a expectativa de nomeação à condição de direito adquirido, diante da inequívoca existência de vagas e da disponibilidade financeira da entidade.

Todavia, a decisão foi reformada pela Quarta Turma do TST, que julgou improcedentes os pedidos do candidato. Na época, a Turma considerou o entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF) de que a aprovação em concurso público para cadastro de reserva não gera, em princípio, direito subjetivo à nomeação, mas apenas expectativa de direito. O candidato, então, interpôs embargos à SDI-1.

Desvio de finalidade
Para o relator, ministro José Roberto Pimenta, a administração pública cometeu desvio de finalidade ao deixar de nomear o concursado para satisfazer a necessidade do serviço em substituição à mão de obra precária. “Se há necessidade de contratação de pessoal terceirizado durante a vigência do certame, não se justifica a não nomeação dos candidatos constantes do cadastro de reserva para suprir essa demanda, já que o concurso público foi realizado com a finalidade de atender necessidades futuras do órgão”, destacou.

Novo edital
O relator observou, ainda, a abertura de novo edital para formação de cadastro de reserva, com até 1.450 candidatos habilitados, e a contratação de 768 trabalhadores temporários durante a vigência do concurso. “Esses dois fatos demonstram, indubitavelmente, a necessidade de contratação de pessoal e reforça, portanto, a preterição do candidato”, concluiu. A decisão foi unânime. (RR/CF) Processo: E-RR-854-95.2016.5.10.0012

Fonte: TST

Diretoria Executiva da CONTEC
_
Últimas Notícias
> BB vai liberar mais R$ 6 bi em crédito para micro e pequenos empresários
> Imposto de Renda: Receita abre consulta ao 1º lote de restituição
> Todo cuidado é pouco quando o assunto é usar o PIX
> Preços no setor dos serviços sobem ao nível mais alto desde 2015
> Trabalhadores poderão comprar ações da Eletrobras com recursos do FGTS
> BB convoca grupo de risco para trabalho presencial
> Governo federal regulamenta o teletrabalho na administração pública
> 13º do INSS: segunda parcela será paga a partir da próxima semana; veja calendário
> Lucro líquido da Caixa é de R$ 2,5 bilhões no trimestre
> Santander insiste em demitir irregularmente, mas justiça reintegra bancária
> Caged mostra redução do emprego bancário
> Aprovada PEC que garante idade máxima de 70 anos para nomeações a tribunais superiores
> Justiça do Trabalho promove mutirão de conciliação
> Auxílio-acidente: veja o que mudou com a nova regra, quem tem direito e como solicitar o serviço
> Bradesco tem lucro de R$ 7 bilhões no primeiro trimestre, alta de 13,9%

MICHELE VIEIRA DA SILVA REIS - BANCO ITAÚ 29/05
MAISA EDUARDA DA SILVA PADUA - CAIXA ECONOMICA FEDERAL 29/05
Veja lista de aniversariantes do mês  
Selos

 

     

® 2012 - SINTRAF - Todos os direitos reservados. - Avenida Santo Antônio, 200 - Sala 04 | Poços de Caldas - MG| Cep 37701-036 | Tel.: (35) 3721-9804 Domynio